Esqueçam o que escrevi, redux

Em seu discurso de despedida do Senado, de onde sairia para concorrer como candidato do PSDB nas eleições presidenciais de 1989, Mario Covas garantiu:

Não me submeterei a um esforço artificial de criação de atos e fatos, a qualquer jogo de aparência ou a truques de persuasão publicitária.

Covas se referia, nas entrelinhas, às movimentações públicas e de bastidores do candidato Fernando Collor de Mello, que seduzia um a um os grandes figurões da imprensa nacional e construía, praticamente do dia para a noite, e com a ajuda dos escudeiros Claudio Humberto e Marcos Coimbra, do Vox Populi, sua imagem de político da renovação e salvação nacional na base de hiperexposição na mídia e factóides políticos.

O discurso de despedida foi escrito pelo então deputado José Serra. Incapaz de convencer Roberto Marinho a garantir seu apoio – o Dono do Poder já se encantara irreversivelmente pelo alagoano – a candidatura tucana não decolou, como sabemos.

 

"Não me deixem só, minha gente"

 

Serra aprendeu a lição errada daquela derrota. Sua campanha tem sido pródiga na criação de atos e fatos e truques de publicidade, numa tentativa infeliz de fazer o nível da campanha política regredir à malfadada eleição de 1989, que todos sabem como terminou.

*(O trecho do discurso de Covas está no livro Notícias do planalto, de Mario Sergio Conti, Cia, das Letras, p. 166)

13 comentários sobre “Esqueçam o que escrevi, redux

  1. Esse é o processo de decomposição que tomou o PSDB de sua fundação para cá.

  2. Recebi um material legal, vale divulgar:

    As informações abaixo estão no livro:

    Quem foi quem na Constituinte nas questões de interesse dos trabalhador,
    Organização e pesquisa do DIAP.
    São Paulo, Cortez Editora, 1988, p. 621.

    Os votos de José Serra na Constituinte de 1988

    Para o bem da verdade, a classe trabalhadora e toda a sociedade
    devem saber como se comportaram os parlamentares, deputados federais e senadores, na Assembleia Constituinte de 1988, que entrou para a história como
    a Constituição Cidadã.

    Abaixo, os votos dados pelo então deputado José Serra, apurados pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP)em seu livro estudo “Quem foi quem na Constituinte”, página 621.

    OS VOTOS DE JOSÉ SERRA NA CONSTITUINTE

    1) votou contra o monopólio nacional da distribuição do petróleo;
    2) votou contra garantias ao trabalhador de estabilidade no emprego;
    3) votou contra a redução da jornada de trabalho para 40 horas;
    4) votou contra a implantação de Comissão de Fábrica nas indústrias;
    5) negou seu voto pelo direito de greve;
    6) negou seu voto pelo abono de férias de 1/3 do salário;
    7) negou seu voto pelo aviso prévio proporcional;
    8) negou seu voto pela estabilidade do dirigente sindical;
    9) negou seu voto para garantir 30 dias de aviso prévio;
    10) negou seu voto pela garantia do salário mínimo real.

    Conforme pesquisou o deputado federal DR. ROSINHA (PT-PR), naquela ocasião o DIAP(Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar) atribuiu ao tucano a pífia NOTA 3,75, em uma escala
    de ZERO A 10.

  3. Fico de cara como a campanha da Dilma tem sido ruim no 2º turno, tem feito exatamente o que a camapanha do Serra quer.
    Reclamação da campanha do Serra: a Dilma vive na sombra do Lula, quer ser uma mulher forte, mas é o Lula quem mais aparece na campanha.
    Resultado: tira-se o Lula da campanha da Dilma.
    O Lula tem que estar todo dia no horário eleitoral, é o sujeiro mais popular do país hj e porque a direita pediu lá vai a campanha da Dilma fazer a vontade do Serra.
    A Dilma falou uma vez só do sumiço do caixa 2 do Serra, tem que falar umas 10. Se tivessem falado uma vez só do caso Erenice teria dado algum resultado? Claro que não. Falaram por dias a fio na imprensa e levaram a eleição pro 2º turno.
    Não estou querendo ser chato ou catastrófico aqui, muito longe disso, mas pelo que vejo no 2º turno, acho que a campanha do Serra tem sido muito mais eficiente do que a da Dilma, tenho visto várias pessoas que gostam do Lula, do atual governo dizerem que vão votar nulo ou no Serra e acho que isso ocorre porque a campanha do Serra tem sido muito mais efetiva em explorar o medo e a ironia em relação a Dilma. No debate, o que me pareceu é que a Dilma falou para a militância, melhor seria ter falado para o Brasil, deixado claro quem era o seu adversário.
    A grande imprensa solta os fatos, boatos, mentiras, a Dilma fica brava na tv e o Serra faz o papel do bonzinho, do equilibrado, do defensor da moral e dos bons costumes. Porra, coloca o Lula pra defender a Dilma dos boatos, quem é mais indicado do que ele? Mostra as várias trambicagens que o Serra está envolvido todos os dias na tv, estão esperando o que? As pesquisas apontarem empate técnico?
    A direita já tá por dentro que não pode perder a bocada do pré-sal, a elite brasileira sabe que é o grande momento para ela reafirmar seu poder ou perdê-lo de maneira irreversível. A democracia, por sua vez, aceita e possibilita a baixaria, a boataria, a liberdade da imprensa apoiar quem quiser, da maneira que quiser e qualquer peidinho já dizem que é a volta da ditadura. Dizem que o PT quer para o Brasil o que o Chavez quer para a Venezuela.
    Tá na hora de jogar bosta no ventilador, mostrar para o país quem é Serra e o PSDB todo dia, mostrar os milhões que o país perdeu com essa turma. Faz isso ou a tática do medo tem grande chance de ter êxito.
    Abç a todos.

  4. Outra coisa:
    a Dilma não tem que aparecer brava ou nervosa na tv, a melhor solução é a ironia, tem que ridicularizar o Serra, mostrar o quanto ele é um merda, mostrar como funciona a tática suja dele, que bom moço ele está longe de ser. Enquanto ela estiver nervosa ou brava fará o papel que a direita espera dela de ser despreparada para o cargo.

  5. Achei o debate correto, no sentido de que a Dilma tinha que bater (tomou porrada demais nos ultimos tempos)e era uma resposta e expos varios podres do adversario. Agora, concordo, maneirar e tocar a bola. Mas foi importante pra militancia. Na verdade, o artigo do Biscoito Fino resolve isso melhor que eu de longe.

  6. Fabiano, acho que tá todo mundo se mexendo. Agora é hora de ir pra rua e contar pras pessoas as cascatas do Serra. Material não falta. No Tuíter, a chamada #serramilcaras já é a terceira mais popular. Além disso, é importante conversar com as pessoas nas ruas com os argumentos que a Dilma nos deu. De que o Serra não honra a sua palavra, de que ele inventa o tempo todo e insistir na história do Paulo Preto (que o Serra faz questão de não apurar). Alás, a insistência dos leitores tem feito os jornalões pubcarem coisas sobre o Paulo Preto diariamente (hoje, ele entrou com um processo contra o EJ e toda a cúpula financeira do PSDB, isso ainda vai feder).
    http://correiodobrasil.com.br/serra-nega-conhecer-preto-mas-posa-para-uma-foto-ao-lado-dele/185718/

    http://3.ly/XgX3
    http://3.ly/XgX3
    http://bit.ly/ae6CpV
    http://twixar.com/nuL
    Mas é preciso militar. Senão vira turma do amendoim. Acho que todo mundo tem feito o melhor. Se o Serra ganhar é porque o Brasil quer uma guinada radical à direita
    quanto a isso, nao dá pra fazer nada …

  7. É estarrecedor a maneira como vocês invertem as coisas, pois quando se trata de campanha todos sabemos do que o PT é capaz. Como assim o PSDB fica criando fatos e atos? Guinada à direita? Da onde vocês saíram? E o PT representa a esquerda aonde? Parem um pouco e pelo menos assumam que vocês votam no PT por questões ideológicas e não por questões técnicas, vocês estão tão afundados nessa lama ideológica como qualquer alienada de plantão. E se meu argumento é fraco e descabido, tanto quanto a campanha daquela ninguém, lembre-se apenas de alguns dos maiores defensores do PT, entre eles alguns dos seus fundadores: Paulo Eduardo Arantes, Chico de Oliveira e Helio Bicudo. Pra ficarmos apenas com 3 nomes expressivos. Esses senhores (geniais) perceberam que as coisas mudaram, largaram o mesmo discurso empoeirado que vocês clamam como se ainda fizesse sentido e partiram pra outra, não pro PSDB que está mais desarticulado do que a cabeça de vocês, mas pra outra longe de um governo que bate na mesma tecla e se aproxima de ditadores e inaceitavelmente dá agulhadas na mídia. Todos estão dizendo isso, seus froxos, tenho dó de vocês. Tenho raiva também, raiva porque o mantenedor desta porcaria clama pela educação mas não hesitava em fumar um antes de dar ‘aula’. Como era patético, tentando ensinar Foucault e Rousseau fumado, como se não bastasse já ser um débil mental. Bom, acabei de agir como um petista, hahaha. Parece que o petismo (substitua agora por ignorância e alienação) está em todos nós, não é mesmo? Viva a candidata que assinou o PNDH-3 porque seu presidente não gosta de ler!!!

  8. …e ficar usando esse trabalho do Jeff Wall só destrói sua intenção. Sua anta.

  9. O movimento Basta! me parece não ter aquela festa suada do movimento Cansei.

    Rrrrroarrrr miau

  10. Cara Besta!,
    É a última vez que você ofende alguém nesse blog, certo? Guarde o seu ódio de rapaz passivo-agressivo para você. Descole uma namorada, ou um namorado. Pratique esportes, ouça música. Não fique na internet xingando quem você não conhece. Ou seja homem (ou mulher) e xingue ao vivo. Você insinua que me conhece, que foi meu aluno. Pode muito bem me encontrar e conversar ao vivo comigo, sem esse tipo de difamação – que é, como você sabe, crime. Pense direito. De mais a mais, Besta, não lembro de ter ensinado Foucault. Você devia ter prestado mais atenção nas aulas.
    Em segundo lugar, o seu argumento é, como você antecipou, fraco e descabido, e as suas acusações (que você em breve terá de provar) te desqualificam como interlocutor nosso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s