Melô das meninas proletárias que gostam de festejar

Aproveito o meu espaço no blog para homenagear as jovens trabalhadoras que vi hoje no metrô. Elas saiam do jogo e dos festejos ligados a ele e voltavam apressadamente para o trabalho. Pegariam no batente às seis da tarde, mas mantinham o sorriso de quem ganhou de três a zero e a categoria de quem quer ficar bonita mesmo torcedora.

Muitas estavam de verde e amarelo, compondo visuais diferentes. Muitas com a camisa da seleção e todas as suas variações. Algumas recortaram a camiseta e colocaram debaixo de uma outra blusa, outras vestiam uma camiseta de manga verde sob uma sem manga amarela, bem, as combinações eram infinitas e faziam elas ficarem ainda mais bonitas. Mesmo as combinações mais feinhas.

Esta música do Richard Thompson canta os momentos de alegria inversos ao que descrevi. Não se trata das meninas vestidas pra festa que voltam para o trabalho, mas quem sai do trabalho para a festa, pois no dia seguinte ela pode dormir até tarde. Aí faz uma crônica de cenas da noite britânica que qualquer um que já pisou em qualquer parte daquela ilha já viu.

I’m so tired of working everyday

Now the weekend’s come I’m gonna throw my troubles away

If you’ve got the cab fare mister you’ll do alright.
I want to see the bright lights tonight

Meet me at the station don’t be late
I need to spend some money and it just won’t wait
Take me to the dance and hold me tight
I want to see the bright lights tonight

There’s crazy people running all over town
There’s a silver band just marching up and down
And the big boys are all spoiling for a fight
I want to see the bright lights tonight

Meet me at the station don’t be late
I need to spend some money and it just won’t wait
Take me to the dance and hold me tight
I want to see the bright lights tonight

A couple of drunken nights rolling on the floor
Is just the kind of mess I’m looking for.
I’m gonna dream ‘till Monday comes in sight
I want to see the bright lights tonight

Meet me at the station don’t be late
I need to spend some money and it just won’t wait
Take me to the dance and hold me tight
I want to see the bright lights tonight

Take me to the dance and hold me tight
I want to see the bright lights tonight

23 comentários sobre “Melô das meninas proletárias que gostam de festejar

  1. música linda e esse disco é todo bom, da primeira à última faixa. Mas eu juro que nao canto End of The Raimbow pra Julia, nem quando ela nao me deixa dormir a noite.

  2. Que lindo Tiago!! Acordar de manhã e ler essa homenagem linda as garotas companheiras,homenagear o povo em que pelo qual eu faço parte meio tamojunto e misturado.
    Meninas proletárias que gostam de festejar, DEMAIS!!!!!

  3. Certa vez li uma análise sobre a música “A Banda” do Chico Buarque em que o autor, se não me engano o professor de filosofia Cruz e Sousa, fazia uma relação da transformação que a Banda de Chico Buarque faz com a vida das personagens da música com a mesma movimentação que ocorre em jogos da Copa do Mundo no país. Outro dia, momentos antes de uma partida da seleção, estava andando no centro de PA e a cena que vi foi muito parecida com a que o Tiago narrou. É uma coisa impressionante notar a felicidade das pessoas, o sorriso no rosto de todo mundo, uma multidão de camisa amarela de todos os tipos e o destaque do mulherio se paramentando para uma das festas da raça – (a outra é o caranaval, claro)- em que parece acontecer o mesmo fenômeno da música de Chico Buarque. Acho que a questão aqui é que a grande parcela da população se sente parte disso, cada um participa à sua maneira e se acha importante dentro do processo, tem um que solta foguete, outro que acende a vela pro santo, o corneteiro, a mãe do Romário em 94 quebrava garrafas e parece que realmente estamos todos lá dentro do estádio num dos poucos momentos em que a nação brasileira mostra unidade. Todo mundo conhece A Banda, mas queria destacar umas partes aqui:

    A moça triste que vivia calada, sorriu
    A rosa triste que vivia fechada, se abriu
    A meninada toda se assanhou
    Pra ver a banda passar, cantando coisas de amor

    O velho fraco se esqueceu do cansaço e pensou
    Qu’inda era moço pra sair no terraço e dançou
    A moça feia debruçou na janela
    Pensando que a banda tocava pra ela

    A marcha alegre se espalhou na avenida e insistiu
    A lua cheia que vivia escondida, surgiu
    Minha cidade toda se enfeitou
    Pra ver a banda passar, cantando coisas de amor

  4. don’t forget: camisinha pro canarinho yellow and vulvas esverdeadas vuvuzelas … chaos a.d. e regresso (<) rebolation (stop fiadapution tion) para deixar a mente em branco nevermind e a vida ficar azul dunga de alegria nike, adidas e brahma. Adios diego armando! “messi” beaucoup!

  5. falando em metrô: hoje, fora do horário de pico, estação consolação abarrotada, filas nos guichês e plataformas cheias. eu pensei: o grande gargalo do crescimento desse país tem nome: PSDB-DEM. foi uma revelação, uma percepção de algo que eu mais intuía do que sabia. a cidade, o emprego, o consumo crescem (por isso tanta gente circulando pela paulista e adjacências), mas estão entrando em choque com a incompetência tucana em fazer a cidade se desenvolver junto. ô pessoal incompetente.

  6. Joaquim,

    Agora você me convenceu! Vou andar nas estações de metrô e votar na Dilma! Se pudesse, no Mercadante! (voto em MG)

    Você é um gênio, deveria ir para a chefia da campanha petista no lugar do Fernando Pimentel. Com esse seu método revolucionário de percepção, não precisar-se-ão mais de dossiês e aloprados.

    E a Dilminha não precisaria nem ir mais aos debates.

    OBS: “a cidade, o emprego, o consumo crescem (por isso tanta gente circulando pela paulista e adjacências)”

    A grosso modo, isso é fruto da herança maldita do governo FHC (aquele que venceu Lula 2 vezes no PRIMEIRO TURNO) e tem um nome que não é PSDB-DEM. Chamasse Plano Real e, o PT foi contra! Não se recorda disso?

  7. Por que? A estabilidade monetária fez água em 98, foi importante, mas custou caro e acabou. Em 2002 a inflação já era maior do que 15%. Não existia mais estabilidade monetária. Cesar, mais uma vez, apelas ao misticismo e ao fígado pra retrucar os argumentos. Numa boa, em termos de economia real o governo do Fernando Henrique foi muito fraco. Apostava-se que o Brasil precisava pedir licença pra crescer e que as coisas aconteceriam por inércia, porque adotamos tudo o que o mercado internacional pedia. é a síndrome do every good boy deserves a favour. Bem, história não tem detrminações tão claras. O empresariado, sem ação do estado, não movem uma palha, não dá também para acabar com a empresa nacional e esperar as transnacionais virem.

  8. Porra, Tiago. Fodei-vos é um mantra da liberação sexual. O Tim, que morava comigo, dava uma aula no cursinho da USP sobre revolução francesa (eu acho) e falava como a burguesia fazia uma coisa no varejo e outra no atacado. Tipo, os parzeres hedonistas que fiquem para nós, os ricos, e para os pobres, a religião, a falsa ideologia. Daí, como ele é um dos maiores fanfarrões que eu conheço, falava pra tigrada estudar pra cacete, pra ir pra universidade pública, porque era ralação mas tinha todas as benesses da curtição a mil grau. E acabava a aula com o famoso “Garotas e garotas, fodei-vos!”

  9. não lembro quem dizia que a crítica ao iluminismo do Adorno e do Marcuse era apenas cobrar dos conceitos o que eles prometiam. Aliás, acho que falaram isso dos românticos, tipo o Kleist

  10. Tiago,

    Como disse, falei a grosso modo, tem muito mais caroço nesse angu. O governo FHC realmente não performou tão bem como o Lula na econimoa, mas plantou as bases e que repito, o PT foi contra. A diferença não é enorme como o PT fala. Os cenários eram outros e muita coisa mudou. Se formos levantar dados e falar vamos escrever bíblias aqui. Não é misticismo nem “figo” não, são dados economicos mesmo! Essas informações são concretas como aquelas que o PT mandou apagar daquele site. Informações concretas como que o PT “pegou” na receita para mais um dossiê.

    Um adendo, realmente o Brasil se saiu muito bem na crise e isso está impulsionando 2010. Realmente foi um ponto positivo para o atual governo e tenho que reconhecer isso. Mas como disse, o cenário é completamente diferente.

    Essa história que antes pediamos benção e agora não mais é mais uma Lulice, igual ao caso do Irã. Não podemos esquecer daquele post que houve muita discussão e, claro, eu era o mais contra o Lula. No final os tenho meus arumentos se mostraram os mais corretos e o bobão se lascou perante a toda a comunidade internacional! Apesar de toda companheirada achar que foi vitória dele! Eis aí, mais uma especialidade petista.

    Isso tudo é argumento que o Brasil foi descoberto em 2003. A Dilma repete isso a toda hora. Poste repetidor, sendo igual uzamericanú numa rede wi-fi: acess point!

    Pra mim está claro que o Joaquim estava fazendo o joguinho esquerdinha do Nós X Eles que o PT tanto gosta. Provavelmente tenha falado isso pois sabe que o PSDB vai ganhar o governo do Estado de SP no primeiro turno com o Alckim. Mercadante, o irrevogável, não tem chance alguma. Estranho, mas o Estado mais produtivo da federação e a cidade mais produtiva não dão nem bola para o PTe. Aqui rola meritocracia e não tem favorecimento por filiação partidária. (companheirada)

  11. Até agora não ouvi nenhuma linha sobre política industrial, sobre a abertura de mercados do brasil, sobre a mudança de emissão dos títulos da dívida, polpitica de emprego (tudo em uma época de quebradeira internacional considerável). Não custa lembrar que em 2002 nosso parceiro comercial preferencial era a Espanha, nem os americanos queriam saber da nossa economia. A ESPANHA! A mesma Espanha agora com mais de 18% de desemprego, Imagina se a crise estoura com esse tipo de solidez política? Estavamos feitos

    Até agora não ouvi o que o governo anterior fez para manter uma benesse economica de oito anos as custas de uma quebradeira de cinco anos de governo deles. Pare de ler esses sites de gente pouco preparada. Pôxa, o valor é em geral oposicionista e é um ótimo jornal, assim como uns caras como o Bresser e o Ricupero têm mais nível que esses colunistas. Por que você perde tempo com esses caras?

    Você estava errado no caso do Irã. Não se tratava do que a OTAN ia aprovar ou não, mas sobre a eficácia ou a inefiácia de sanções. Me fale de um país com sanções que melhorou o seu regime político? Me fale um só, unzinho. O Iraque? Vai lá pra ver como está. A Síria? Nem a Economist pede sanção contra a Síria. Aliás, parece que vão reabrir a embaixada americana por lá. Essas questões não se resolvem no tempo da internet. e a posição da Turquia e do Irã foi acertada. O NYT concorda (é um jornal de petistas?), a revista Time (de petistas?).

    Ninguém fala que o governo Lula foi responsável pelas conquistas do país, você que não vê conquista alguma, mais, acha que o governo é responsável por todos os males. Isso é nós contra eles. As conquistas do país aconteceram junto aos seus males.Não se trata disso, se trata de pensar o melhor projeto de país. Como voc~e pensa política com fígado, é impossível de colocar essas posições diferentes na balança, e sai a repetir: “a companheirada”, petralha, qualquer bobagem.

    Sobre dossiê eu só falo quando aparecer, é igual a pasta rosa do ACM, as contas secretas das ilhas Cayman, o grampo no Demostenes. Não apareceu nada de concreto ainda, portanto, é só suposição.

    Cara, se você soubesse da satisfação inconfessável do chefe do seu ídolo, talvez desse menos bola pras besteiras dele.

  12. Por fim, São Paulo é a cidade que eu moro e que eu gosto muito, mas aqui a falta de infra-estrutura é muito crítica. O estado cresce menos que o país. E que meritocracia existe neste estado cara pálida? Você sabe? Existe uma certa tecnocracia, mas você acha que o Andrea Matarazzo acumulava três funções em uma prefeitura por mérito? Você acha que o Roberto Freire (PPS-PE) é coselheiro da EMTU por mérito? Conta outra. Vai no Detran daqui pra conhecer a meritocracia.

  13. Tiago,

    Eu também não ouvi isso de lado algum e duvido muito que venha a conhecer.

    A econimia anda, as relações comerciais surgem e se vão. É assim que funciona e desde 2003 atéa crise o mundo cresceu vertiginosamente e havia tanto capital que ele transbordou para fora das fronteiras. Foi mérito do governo sim, que começou com o Palocci e ele seria o canditado a Presidente do PT se não fosse o episódio do caseiro. Isso é claro. A Dilma é uma companheira burocrata ungida pelo Lula, na total falta de opção e sua eloquencia de se achar o cara! Sim, o Obana falou e ele acreditou.

    O Wall Street journal desceu o pau no Lula e no Brasil pelo desastre. Existem as duas óticas. Como assistir a CNN e a FOX News.

    Repito, não sou ingênuo de achar que nos altos escalões sempre aconteça esse tipo de favorecimento. Acontecem no PT, no PSDB, em qualquer partido. Digo que o PT inflitrou gente despreparada em tudo que é lugar, são cargos pra ganahr trabalhando pouco e concentrando a grana e as estatais na mão do partido, vencendo ou não a eleição. Isso aconteceu até mesmo em Pouso Alegre, nítido e claro de se ver.

    OBS: Eu também gosto muito de São Paulo!

  14. gosta de SP mas fique aí, por favor – pra desespero da companheirada pouso alegrense!

  15. Cara, em Pouso Alegre, ao que tudo indica, o PT tem menos cargos que o PV. É só contar o número de secretarias. O que eu sei dos números do governo federal é que nunca tantos funcionários de carreira exerceram funções importantes (outro mérito do Palocci, Paulo Bernardo e etc.). Muito precisaria ser feito para melhorar, como um plano de carreira mais nítido para o funcionalismo e um número menor de cargos consignados, mas isso é outra discussão.
    Bem, Sâo Paulo tem problemas gravíssimos devido a aparelhamento mesmo. Um caso nítido é o DETRAN e, por exemplo, a concessão de pedágios. Desde o primeiro mandato do Covas rolou uma ação entre amigos sinishtra.
    Fora isso, do ponto de vista urbanístico, a cidade fica atrás de qualquer capital do mesmo porte. Qualquer uma. A cidade do México tem um sistema de metrîoes que tem mais ou menos a mesma idade da de sp, mas aqui se construiu um terço do que foi feito lá. Moro aqui há quase quinze anos. Desde que cheguei, vi cinco estações serem inauguradas, todas na linha verde. Convenhamos, é pouco. E nçao acho que o problema seja de descaso ou de luta do bem contra o mal, acho que é de concepção mesmo. Os tucanos tratam todo e qualquer tipo de investimento como gasto. Além disso, vêm a ação governamental de maneira etapista e pouco criativa. Dito isso, tenho vários amigos tucanos (tucanos mesmo, de carteirinha, não anti-petistas) que argumentariam sobre essa questão do investimento de modo a justificá-lo. Não custa lembrar, estudei na Ciências Sociais da USP, um dos ninhos do tucanato paulistano, lá a discussão era se o desenvolvimento poderia acontecer de forma que não a associada. Bem, paro por aí para não falar besteira. Se o Demétrio aparecer aqui ele destrincha a concepção de estado desses caras com mais categoria que o Ozil (pra mim a revelação da copa).

  16. Tiago,

    Tb acho o Ozil revelação da Copa. Joga pra c… O idiota no Maano Menezes, para meu desespero, escalou no seu Blog a sua seleção da copa e não colocou o Ozil (http://manomenezes.blog.terra.com.br/2010/07/01/a-selecao-de-destaques/)

    Só deixo claro, não sou do PSDB. O partido também nao me agrada e acho isso foda. Não existe espaço para um partido com valores mais a direita em toda a AL. Não é juízo de valor, é uma cosntatação mesmo.

    velot wamba: conheço alguns companheiros, massa de manobra mesmo, de PA quando trampava de mesário nas eleições. Eita povinho mala, assim do seu naipe.

  17. cara, como um maluco que copia ipsis literis os argumentos de um josé ruela tal qual o Reinaldo Azevedo, tem a pachorra de chamar alguém no mundo de massa de manobra?? Numa boa, como?? Eu tive o desprazer de pesquisar uns textos desse boçal do Azevedo e vc copia até os termos do imbecil!! Você tem que descobrir o Olavo de Carvalho, numa boa. Renovar as frases feitas, o pensamento tacanho, a falta de descontração. Esse povinho mala que você diz, do meu naipe, ainda deve ser uma galera ponta firme e curtição pra sentar no bar. Você, não dá pra dizer o mesmo hein…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s