Henry Cow: “Beautiful as the Moon… terrible as an army with banners”

Sem medo de errar, posso dizer que, dentre os grupos de rock, foi o Henry Cow quem mais moldou o meu modo de pensar sobre arte. Associação entre a forma revolucionária e o gesto político foi confirmada para mim não pelas máximas do Maiakovski ou o teatro brechtiano, mas pelos grupos que se reunião sob o rótulo de Rock in Opposition. Hoje, penso muito diferente, mas o amor pelo grupo ainda é incondicional. Além disso, acredito que muitas das questões com que trabalho até hoje no que escrevo e na forma como quero viver passam por muito do que ouvi através de Fred Frith, Lindsay Cooper, Chris Cutler, Dagmar Krause, Tim Hodgkinson, John Greaves, Peter Blegvad, etc.

Poucas semanas atrás, vi estes vídeos e fiquei muito entusiasmado

mais aqui

4 comentários sobre “Henry Cow: “Beautiful as the Moon… terrible as an army with banners”

  1. Nossa, is é de chorar e eu juro que eu agradeço a papi do céu todas as vezes que lembro dessas “pepitas”(salve Boça!) que vocês me apresentaram. Vai que eu envelhecesse um esquerdista que só escutasse Garotos Podres?

  2. gostei muito dos videos…

    pra quem gosta de free vai esse do zorn com o Frith

    abraço,parabens pelo blog.muito bom

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s