Ainda Glauber

O post sobre o Glauber rendeu uma conversa tão boa que eu achei legal colocar uma cena do Deus e o Diabo. É impressionante a capacidade dele de soar poético e épico, como o Rodrigo comentou no post anterior, é única no cinema. Numa cena como essa de oito minutos, filmada em 1964, ele fala mais sobre o Brasil atual do que mais de 90% do cinema pós-década de 1990.

Eu até posso levar pedrada aqui, mas acho que o Glauber é daqueles personagens únicos que tem um peso tão grande que é difícil que sigam o legado dele. Eu também coloco no mesmo time o Guimarães Rosa, o Niemeyer e o Mano Brown, claro que cada um com seu peso e importância.

São autores que têm uma marca de estilo e uma influência tão enormes eque quando alguém tenta fazer algo parecido sempre soa como pastiche. Talvez por isso ele foi considerado como um peso no cinema nacional e hoje ele é admirado, mas é raro ver algo com o traço de Glauber Rocha nos filmes nacionais de hoje.

Além disso, ele foi um diretor com um potencial revolucionário gigantesco, esteticamente falando. Fugia do banal como o capeta da cruz , como o Rodrigo reforçou,  e fazia filmes para falar sobre o Brasil e o terceiro mundo querendo que todos no mundo o assitissem. Queria ser relevante sem facilitar pra ninguém, empurrando sua estética pela goela de quem estivesse na frente. Ou como diria Corisco:

“Homem nessa terra só tem validade quando pega nas armas pra mudar o destino. Não é com rosário não. É com rifle, com punhal”.

E um pouco de Terra em Transe também:

Um comentário sobre “Ainda Glauber

  1. incluiria nessa lista o João Antonio e o Itamar Assumpção. Pela centésima vez na minha vida, tô in love com o João Antonio. O Abraçado Ao Meu Rancor é a maior experiência literária sobre a queda da sociabilidade em grandes megalópoles no Brasil. O lance dele sobre a passagem da malandragem para a bandidagem pura é fantástico.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s