links do saara

Wolinski na praia
Wolinski na praia

Não sobrou muito tempo e com o calor tudo fica mais difícil. Nessa semana, passo o recreio diante do ventilador. No intervalo entre um trecho do trabalho e outro, tomo vento e passeio no computador. É meio deprê. Parece um pouco com almoçar no escritório, ir na academia de ginástica da empresa, mas eu me divirto.

Quis dar umas risadas e fui ao blogue do Adão Iturrusgarai. Lá, vi um desenho do Wolinski, que eu admiro muito. O sujeito é um gênio, mas parece ter poucos trabalhos na internet.

Depois disso, saí a cata de outros nomões do humor francês. Achei coisas do Jean Marc Reiser, Sempé, Philippe Vuillemin, Frank Margerin, da revista Hara-Kiri e uma página muito boa de cartum.

Voltei para o Brasil, dei uma olhada na página que fizeram para o Jota Carlos e li um belo texto sobre o filme Milk, no blogue do Pedro Alexandre Sanches.

Nas últimas semanas vi pouca coisa. Para matar a vontade, visitei os sites de Pedro Cabrita ReisRobert Smithson, Thomas Hirschhorn, Wagner Malta Tavares e o do doidão do Santiago Sierra.

Empolgado com as exposições dos Albers, espiei aqui. É maldade falar depois da vaca fria, mas não dava para perder. No Instituto Tomie Ohtake, ainda havia uma coletiva de arte latino americana com trabalhos bons. Como um desse cabra e desse.

O Pedro Dória dá notícias da crise em Guiné-Bissau. O presidente do país foi assassinado. Lá, o futuro político parece incerto. No site de Dória,  Amilcar Tavares, jornalista de Cabo Verde , comenta a situação delicada dos nossos irmãos lusófonos. Aqui tem mais.

Agora, a página sobre os Povos Indigenas do Brasil produzida pelo Instituto sócio-ambiental é um troço sério. Acho que é uma das melhores ferramentas educativas que conheci.

É uma fonte preciosa e de fácil acesso. Os meninos da escola pública de Pouso Alegre, por exemplo, podem acessar informações precisas, de primeira qualidade, escritas por gente que conhece o assunto e nunca vai pronunciar uma atrocidade sobre as diferentes nações no território do Brasil. Assim dá pra começar a conhecer o país. É um avanço e tanto.

ATUALIZAÇÃO DE ALMOÇO: Europeu quando quer ser ruim não é brincadeira. Faturam uma grana e ainda mantêm uma situação como essa? Depois ainda têm a manha de fazer um filme sobre o Show do Milhão. Deve ser gozação.

Para os cineastas vale a pergunta do Mark E.Smith: “Who makes the nazis?”

Um comentário sobre “links do saara

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s